Geraldo Souza

O Papo com os Feras de hoje vem direto de São Gonçalo dos Campos, na Bahia.

Nome: Geraldo Souza (GEO)

Idade: 35 anos
Profissão: Administrador
Local do Haras: São Gonçalo dos Campos – Bahia

Qual foi o seu primeiro contato com cavalos?

Os cavalos estão na minha vida, desde que tenho lembranças, ou seja, desde sempre, morava em Salvador, mas passava todos os fins de semana em São Gonçalo, na fazenda levado por meu pai, um amante da vida rural e filho da cidade de São Gonçalo dos Campos .

De onde vem o nome Rancho 2 Irmaos e quando decidiu tornar-lo um expoente do QM de vaquejada?

O Rancho nasceu de um nome dado pelo meu Pai, a uma terra que tinha em São Gonçalo em homenagem a mim a meu irmão, já que éramos dois filhos homens, então foi ele, meu pai, quem nomeou o Rancho. A minha relação com a vaquejada foi incentivada por meu pai, que construiu a primeira pista de vaquejada para que pudéssemos treinar, vendo as dificuldades que tínhamos para treinar na velha pista em decadência da pousada centenário, na cidade de São Gonçalo, e apesar de ser criador de vaca de leite, nos deixava treinar com suas “vaquinhas” como ele mesmo nomeava. Depois disso fomos naturalmente sendo levados pela paixão, que compartia não só com meu irmão Cyro Souza, mas também, com meu cunhado, sócio e também irmão Zezo Menezes!!

Dentre todos seus investimentos, animais como Dafini Apolo, Rochinha e Smart Jaybee Olena deram visibilidade nacional ao seu criatório. Conte- nos mais sobre estes animais.

Inicialmente a missão do Rancho 2 Irmãos, era “Produzir excelência em Quarto de Milha de Vaquejada”, buscamos adquirir linhagens sempre focadas no melhor e no mais comprovado que existe para este esporte, comprando matrizes Sandstorm, Silver Wild (Roxão), Don Diego Bars, Holland Ease, Shady Steel, etc., depois nos resolvemos investir também na competição a nível profissional, passando a investir não só em éguas de linhagem / documentos excelentes, mas também em indivíduos testados, comprovados e campeãs, foi quando adquirimos as campeãs nacionais Baixa Grande Bryan (égua com mais de 30 pontos de Registro de Mérito) e Dafini Apollo (égua também com mais de 30 pontos de Registro de Mérito e que fez história na sela de Celso Vitório, ganhando Derby de Vaquejada, Primeiro Lugar na Vaquejada de Serrinha, dentre muitos outros), éguas hoje que estão dedicadas a produção no R2i. Dentro do processo natural de reciclagem e substituição dos animais, o R2i hoje possui duas éguas que são destaque total no cenário Nacional na sela de Reni Silva, a Rochinha – Fly Shiney Zorrero (Puxada Direita) e a Eternaly Sands (Esteira), estando em 2014 já garantidas para disputa do melhores do ano no campeonato do Portal. Dito tudo isso, nos deparamos com um dilema, de que o R2i estava se tornando uma grande equipe de competição, tinha as melhores éguas de vaquejada, de variadas linhagens, mas não tinham a referencia que todo grande haras deve ter, uma Garanhão completo, atleta, campeão testado, produtor comprovado e morfologicamente lindo, e foi dai e da nossa parceria com os amigos Eider e Tinoco da Clinica do Rancho, que decidimos que o Smart Jaybe Olena, era o Garanhão ideal para o haras, Campeão Nacional de Apartação, Produtor de Campeões Nacionais de Apartação, produtor em Laço, e grande produtor em vaquejada, tendo produzido já mais de 100 pontos nas diversas modalidades.

Cite as principais éguas de seu criatório que o Smart irá cruzar.

O Smart sem dúvida foi escolhido por além de todos atributos que já mencionamos, ser um Garanhão com linhagem completamente aberta para as principais linhagens consagradas de vaquejada do R2i (Smart Jaybee Olena – Mr. Jay Bee Dee x Smart Chic Olena), por isso este ano já chega contudo para a temporada 2014/2015, cobrindo as principais éguas do haras como:

Dafini Apollo
Baixa Grande Bryan
Fly Shiney Zorrero (Rochinha)
Eternaly Sands
Lady Keys Bar (Don Diego Bars)
Lady Sandstorm (Sandstorm Pep)
Miss Lass Steel (Shady Steel)
Arrochada Wild (Silver Wild – Roxao)
Entre outras.

Qual seu planejamento para o Smart?

O Smart é um projeto audacioso, que prevê dedicação e investimento por parte do R2i, com a finalidade de poder proporcionar o maior retorno possível aos investidores e parceiros que temos atraído com o cavalo, construir com estes uma relação de longo prazo com o R2i. Tenho certeza que todos os que decidimos investir juntos no Smart, desde os cotistas até os que adquirirem uma cobertura, terão retorno garantido e felicidades das mais variadas formas, com produção, com os mais variados esportes, passando por Team Penning, Apartação, Tambor, Laço e Vaquejada.

Resumindo. Hoje a missão do R2i é:

“Ser produtor e competidor com excelência na raça quarto de milha, proporcionando aos parceiros e sócios o maior retorno possível”, transformando-se assim numa empresa, uma indústria do ramo, ligada a esta raça que tanto amamos e desejamos que evolua.
R2I produzindo excelência em QM!