Dermatofilose – Queimadura de chuva

Comum em épocas de chuvas ou em animais que tomam banhos constantes (uma ou mais vezes por semana ), característico por causar pequenas áreas com falta de pelo e crostas , normalmente em região de dorso e garupa , porém podendo atingir o corpo inteiro do animal. Atinge na maioria das vezes animais mais jovens e com a imunidade baixa. Causada pela bactéria Dermatophilus Congolensis , não causa coceira.

Sinais 

Emaranhando de pelos que conseguem ser arrancados facilmente , crostas úmidas irregulares , pele úmida , amarelada e exsudativa.

Tratamento

Escovação para retirada de todas as crostas e pelos ‘’soltos’’ , banhos antissépticos diários até que as lesões desapareçam (pode-se utilizar peróxido de bezoíla ou clorexidine ) e manejo , evitar que o animal fique com a pele úmida. Em casos extremos consultar um veterinário para administrar antibiótico oral.

Prevenção:

Evitar que animais jovens e recém-nascidos fiquem expostos à chuva, sempre que um animal tomar banho evitar colocá-lo na baia ainda molhado, esperar secar por inteiro.

É muito importante evitar pequenas contaminações como a queimadura de chuva , parecem ser inofensivas e não prejudiciais , mas podem diminuir a imunidade do animal drasticamente , e este ficar mais susceptível a doenças mais graves como garrotilho, pneumonia etc.

 

Bruna B. Zaharov Simon
Proprietária Haras WS e Médica Veterinária
CRMV-SP 32464